terça-feira, 22 de junho de 2010


"... certa lenda chinesa conta que estavam duas crianças patinando em cima de um lago congelado. Era uma tarde nublada e fria e as crianças brincavam sem preocupação. De repente , o gelo se quebrou e uma das crianças caiu na água.

A outra criança vendo que seu amiguinho se afogava debaixo do gelo, pegou uma pedra e começou a golpear com todas as suas forças, conseguindo quebrá-lo e salvar o amigo. Suas mãos estavam feridas e doía muito todo o seu corpo.

Quando os bombeiros chegaram e viram o que havia acontecido, perguntaram ao menino:

- Como você conseguiu fazer isso? É impossível que você tenha quebrado o gelo com essa pedra e suas mãos tão pequenas!

Nesse instante apareceu um ancião e disse:

- Eu sei como ele conseguiu.

Todos olharam para ele aguardando a resposta. O ancião então respondeu:

- Não havia ninguém ao seu redor para dizer-lhe que ele não era capaz."


Sem dúvidas o lançamento do iPad está fazendo um “belo barulho” no mercado de aparelho eletrônicos, prometendo revolucionar a forma de se utilizar computadores. Apesar de ainda estar descrente sobre o sucesso do aparelho ele está aí. Por outro lado o mercado chinês não perde tempo e lança a sua versão “acessível” do novo display da Apple.

Lendo um dos blogs que acompanho (LostLaowai) soube do lançamento do iPed, o primeiro clone do iPad no mercado. Como todo e bom produto chinês, a versão custa em torno de 1/5 do original, apesar de vir com absolutamente nada e um HD de 1GB, expansível. Certamente, o primeiro de muitos.

Fonte: Lost Laowai

segunda-feira, 24 de maio de 2010


"A gastronomia chinesa é, digamos, exótica. O banquete do ano-novo chinês entre os mais ricos inclui iguarias como ovos podres cozidos e sopa de ninho de andorinha. Nas províncias do sul, come-se de tudo : gafanhotos, escorpiões, ratos selvagens, gatos, cachorros, estrelas-do-mar, cobras e até casulos de bicho-da-seda.
Há um restaurante em Pequim cuja especialidade é pênis. Isso mesmo, lá se tem pratos com o membro de 9 animais : Touro, jumento, cão, cobra, cervo, carneiro, búfalo, foca e cavalo, e como o povo acredita que o prato é afrodisíaco, não faltam clientes."

China é também um país de grandes montanhas, zonas montanhosas, planícies e colinas que ocupam 65% da superfície continental. Segundo o alinhamento podemos distinguir cinco sistemas de montanhas. A cordilheira de Kunlun, a norte do Himalaia, separa a alta planície de Qinghai-Tibete do deserto de Taklamakan, três dos seus cumes superam os 7000 metros: Muztag, Muztagata e Kongur; a cordilheira Tianshan, mais a norte com as seus cumes nevados; a cordilheira Xingan, no noroeste da China; e por último a cordilheira Hengduam e Qilian. As montanhas atingem especial altitude no setor ocidental para descer progressivamente para a costa.

Fonte: Wikipédia / Blog Papo de Homem

domingo, 25 de abril de 2010



"Meng Jiang Nu teve seu marido recrutado por Qin Shi Huang para trabalhar na construção da Grande Muralha. Com saudades, Jiang Nu viajou para ve-lo e levou um casaco que havia feito para proteger seu marido do frio do norte, enquanto trabalhava na construção. Porém, chegando ao pé da Grande Muralha, recebeu a notícia de que seu marido havia morrido trabalhando e fora enterrado sob a construção. Ela teria chorado tanto de tristeza que os Céus tiveram pena dela e um trecho da Muralha rompeu-se, expondo o cadáver de seu marido para que ela pudesse oferecer-lhe um enterro decente. Feito isso, ela se suicidou para juntar-se ao marido após a morte." 

Os edifícios residenciais chineses têm uma expectativa de vida curta, o que causa enorme desperdício, segundo o ministério da Moradia e do Desenvolvimento Urbano e Rural.

Cada ano, os novos prédios erguidos na China têm uma área total de 2 bilhões de metros quadrados, utilizando até 40% do cimento e aço do mundo. No entanto, estes edifícios têm uma vida de apenas 25 ou 30 anos, em média.
A vida médio dos prédios residenciais chineses é menor do que projetada, de 50 anos. No Reino Unido, a vida médio dos prédios é de 132 anos, enquanto que nos Estados Unidos este número é de 74 anos.

Estes prédios de vida curta na China estão causando um enorme desperdício, já que a construção de um prédio de 10 mil metros quadrados criará entre 500 e 600 toneladas de lixo, enquanto que a demolição de um antigo, com a mesma área, produzirá entre 7 mil e 12 mil toneladas de lixo.

Fonte: Yahoo Esportes / Agencia de Noticias Xinhua

quinta-feira, 22 de abril de 2010




"Os chineses são muito supersticiosos. Os andares 4, 14 e 24 de muitos prédios não existem, porque o ideograma do 4 é parecido com o da morte. Celulares terminados em 4 ou com muitos 4 são bem mais baratos, e muito utilizados por estrangeiros. Já o número 8 tem o ideograma que lembra o da prosperidade. Não é à toa que os jogos Olímpicos começarão no dia 8 de agosto de 2008, às 8:08 da noite."

A filosofia chinesa teve um impacto extremo na cultura, tanto a nível erudito quanto a nível popular. As raízes da filosofia (e perspectiva religiosa) chinesa estão no Confucionismo, Taoísmo e Budismo.

No território chinês podemos encontrar diversas tradições religiosas, muitas delas dissemelhantes. A veneração dos antepassados, o islão, e outras religiões populares chinesas ombreiam com outras crenças onde se misturam as correntes filosóficas atrás referidas. O cristianismo (catolicismo e protestantismo), apesar de minoritário por ser de certa forma reprimido pelo governo comunista, não deixa, por isso, de ser uma religião de referência. Segundo o governo chinês, há 21 milhões de cristãos no país (16 milhões de protestantes e cinco milhões de católicos). Contudo, o China Aid Association revelou que o diretor do órgão do governo chinês que supervisiona todas as religiões no país declarou "em off" que o número de cristãos na China seria de fato 130 milhões no início de 2008.
Fonte: Blog Papo de Homem / Wikipedia

sexta-feira, 16 de abril de 2010


"O território chinês abrange 4 fusos horários, mas o governo não quer nem saber, e todo o país adota a hora de Pequim. O que faz o sol nascer às 4 da manhã no leste do país, e no oeste, às 9 da manhã."

A palavra China costuma referir-se a regiões que, em termos mais específicos não fazem parte dela, como é o caso da Manchúria, da Mongólia Interior, o Tibete e Xinjiang. Nos meios de comunicação ocidentais, “China” refere-se, normalmente, à “República Popular da China”, enquanto que “Taiwan” se refere à “República da China”. Muitas vezes, em termos informais, especialmente entre chineses e ingleses (no contexto do mundo dos negócios), “a Grande região da China” (大中华地區) refere-se ao sentido mais lato, tal como foi apresentado no parágrafo anterior.

Na sua história, as capitais da China situavam-se, essencialmente, no leste. As quatro capitais mais citadas são Nanquim (Nanjing), Pequim (Beijing), Xian, e Luoyang. As línguas oficiais foram mudando ao longo da sua extensa história, (algumas delas desaparecidas), incluindo o mongol, o manchu e os vários dialetos do chinês, entre os quais o mandarim (em chinês Hanyu, pronunciado haN ü, ou seja, /h/ como hat, em inglês, e /ü/ como o som do "u" francês) e o cantonês.

Fonte: Papo de Homem / Wikipédia

quinta-feira, 15 de abril de 2010


A cada feriado do Ano-novo chinês, mais de 300 milhões de pessoas viajam pela China, para visitar parentes, sendo o maior movimento migratório do planeta. Como não conseguem ir ao banheiro nos trens superlotados, muitos viajantes usam fraldas para adultos.

A população da China é a maior do mundo, somando mais de 1,35 bilhão de habitantes, distribuídos entre a República Popular da China, com mais de 1,33 bilhão de pessoas, e Taiwan, com mais de 20 milhões de habitantes.Trata-se da maior população do planeta e representa mais de um quinto do total mundial.

Com políticas rígidas para controle de natalidade, estima-se que a China seja ultrapassada populacionalmente pela Índia. A política de controle populacional da China tem como principal regra cada família possuir apenas um filho enquanto morar em centros urbanos, já no interior são permitidos dois filhos caso o primeiro seja mulher, revelando assim, uma preferência dos chineses por filhos do sexo masculino, pois, segundo a tradição do país, são os filhos homens responsáveis por cuidar dos pais durante a 3ª idade e são eles também que carregam o sobrenome da família.

Fontes: El Cabron / Wikipédia

quarta-feira, 14 de abril de 2010


"O vento sopra as flores no jardim. O monge respira o ar fresco. O mundo é bom. A única coisa que falta é um pouco de chá. Infelizmente, os ramos da árvore do chá são muito altos e a face da montanha é muito íngreme. Ele para no pensamento. Seu macaco, porém, sabendo o desejo de seu mestre, sobe a face da montanha, escolhe as folhas e as leva. O chá era tão delicioso que as pessoas passaram a treinar seus macacos para buscá-lo. Assim diz a lenda."

Hoje em dia a prática de macacos colherem folhas de chá praticamente não existe mais, exceto em uma remota aldeia chinesa, onde eles continuam sua memorável tradição.

terça-feira, 13 de abril de 2010


"Longa viagem começa por um passo."